Agora são Horas e Minutos - ... Obrigada: Estou completamente satisfeita com todos os amigos por me terem acompanhado no blogue. TATÃO ´ aconselhamos a utilização do Mozilla Firefox

PAULA RUIVO

. A APRESENTAÇÃO DO LIVRO A ERVILHA QUE QUERIA IR DE FERIAS FOI UM SUCESSO AUTORA PAULA RUIVO

sexta-feira, 24 de abril de 2009

BRINCAR.


BRINCAR.

Não vai muito distante em que os hábitos das famílias deixavam os filhos a brincar um bocadinho nas ruas,depois das aulas.
Nesse tempo, a rua as pequenas aldeias e vilas, cidades, era um espaço publico de passeio e encontros, aberto a todas as pessoas, incluindo miúdos. Perto das casas onde as pessoas moravam,em bairros, jardins, pracetas ou descampados as crianças gastavam as energias e brincavam.Era um tempo de recreio para elas, mas também para as mães, as avós ou quem tomava conta dos mais pequeninos, já que libertos deles, arranjavam tempo para si mesmas. A rua era livre e acabavam por se conhecerem amigos no dia a dia.Esse convívio foi-se perdendo devido às construções que invadiram os espaços.Os automóveis inundaram o tráfego as ruas calmas, sem se inventar nada equivalente.Por outro lado mais tempo nas escolas, mais tempo de televisão, jogos,computador etc.Foi rápido até se achar que além de não se poderem deslocar sozinhas na rua, perigoso.É certo que esse tempo poderia existir mas há que reparar que no dia a dia em que se vive é um privilégio para as crianças estarem mais seguras na escola e nas sua próprias casas com o olhar atento de quem toma conta delas. Infelizmente vivemos num mundo perigoso e cheio de contradições para as podemos auxiliar no caminho que têm a percorrer no mundo, pois se não for a escola ou os pais ou os avós, a vidas delas tornar-se-ão perigosas e mesmo assim é preciso muito cuidado para as poder orientar.
Tatão

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.
•.¸¸.•´¯`•.¸¸.¤ Beijos •.¸¸.•´¯`•.¸¸.¤